São Maximiliano Kolbe

Segredo da vida

"Quem És Tu, e quem sou eu? Pés no chão, olhar no céu Quem És Tu, e quem sou eu? Sou teu filho, És meu Deus". Esta música do cantor Jonny, inspirada no questionamento de São Francisco, nos ajuda neste momento de reflexão

Missionárias da Imaculada Padre Kolbe (Arquivo MI)

Escrito por Missionárias da Imaculada-Padre Kolbe

24 FEV 2022 - 17H07

Divulgação

Conta uma historinha que um certo dia um homem perguntou a Deus: “Quem és tu, Senhor?”. E Deus lhe respondeu: “Eu sou aquele que é”. O homem, meio confuso, perguntou ainda: “Tudo bem, mas em que sentido tu és?”. E Deus lhe disse: “Eu sou o amor, a paz, a graça, a alegria. Eu vou a via, a verdade e a vida. Eu sou o consolador, a força. Eu sou a segurança, o refúgio, a proteção. Eu sou o criador. Eu sou o começo e o fim. Eu, sim, eu mesmo, estou acima de tudo”.

Então o homem, chorando disse: “Agora entendo quem, és tu Senhor. Mas então, quem sou eu?”. E Deus, enxugando-lhe as lagrimas dos olhos, respondeu: “Tu és meu” (cfr. Is 43,1).

Se a gente vivesse cada momento de sua vida com a certeza de pertencer a Deus e de ser não só uma sua criatura, mas filho, filha, tudo seria diferente! Até as dificuldades e os obstáculos se tornariam como preciosas oportunidades para amadurecer numa atitude de fé, ou seja, de confiança naquele que não tira de nós, de nossa vida, os problemas, mas nos oferece a Sua força, a Sua graça para viver tudo na Sua companhia.

Lendo escritos de São Maximiliano Kolbe temos a possibilidade de perceber que ele também, como todos nós, passou pela insegurança, pelas preocupações, pelas dúvidas. E como ele viveu tudo isso? Podemos descobrir o seu “segredo de vida”, e quando as dificuldades falam alto em nossa vida, de uma certa forma rezar com ele, com as palavras que em vários momentos de sua vida, dirigia a si próprio ...

“Confia totalmente na Imaculada... Não ponha confiança só em você mesmo, mas em tudo confia totalmente na misericórdia de Deus que te conduz por meio da Imaculada.

Deixa-te guiar por Ela; deixa-te conduzir pelas Suas mãos. Guiado por Ela, você poderá enfrentar tudo.

Entrega-lhe tudo aquilo que não sabe e não tem como realizar e então conhecerá e conseguirá fazer tudo aquilo que é pela gloria de Deus.

Deixa-te conduzir...

Não se preocupes por nada. Nunca perca a esperança. Entrega-Lhe tudo. Entrega-Lhe todos os teus afazeres e fala com Ela em todas as tuas dificuldades e incertezas.

Deixa-te conduzir por Ela com amor.

Deixa-te conduzir na paz, porque assim não serás tu, mas será a graça de Deus junto a ti que fará tudo.

Luta sem parar contigo mesmo para fazer não aquilo que você quer, mas aquilo que Deus quer e porque Ele o quer.

Abandona-te totalmente em Deus por meio da Imaculada, sem limites. Deixa-te conduzir.

Confiança sem limites, porque Ela não deixará que você se perca.

Deixa-te conduzir na confiança, com fé, com amor!”.

De mãos dadas com a Imaculada e na escola de São Maximiliano Kolbe, aprendamos aos poucos como nos deixar conduzir no dia-a-dia por Deus e como acolher as Suas inspirações em nossa vida, começando das pequenas e mais simples! 

Fonte: O Mílite

Escrito por
Missionárias da Imaculada Padre Kolbe (Arquivo MI)
Missionárias da Imaculada-Padre Kolbe

Fundado na Itália, em 1954, por Padre Luigi Faccenda, franciscano conventual, o Instituto Missionárias da Imaculada-Padre Kolbe busca viver o exemplo do mártir da caridade Maximiliano Maria Kolbe, que deu a vida por um pai de família no Campo de Auschwitz, durante a Segunda Guerra. As missionárias buscam viver um estilo de vida que encarna os valores evangélicos nos ambientes em que estão inseridas seguindo a espiritualidade da Milícia da Imaculada, fundada por Kolbe em 1917. Algumas dessas leigas consagradas vivem com a própria família ou sozinhas, e outras em grupos de vida fraterna nas Casas da Imaculada existentes em sete países, entre eles, o Brasil. São 200, em todo o mundo, as missionárias que vivenciam o Batismo e a Consagração a Nossa Senhora, por meio dos votos de pobreza, castidade e obediência, e os voluntários leigos agregados são em torno de 30.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Espiritualidade, em São Maximiliano Kolbe

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.