Por Nathalia Silva Em Criatividade para evangelizar

Dizer sim ao AMOR

“Devemos amar a Imaculada e propagar este amor com o maior amor possível”

Arquivo MI
Arquivo MI
Verônica, Representante MI

Esta frase de São Maximiliano Kolbe é palavra de ordem para um grandioso exército consagrado a Imaculada que, através do voluntariado, torna vivo e presente o carisma de nosso fundador, oferecendo seu tempo e seus esforços para irradiar o amor!

Não há como falar de Milícia da Imaculada sem falar de voluntariado. Desde o início da obra no Brasil, há 32 anos, os leigos voluntários têm fundamental importância, pois desempenham as mais variadas atividades para cumprir com a proposta de santificação e salvação das almas feita por São Maximiliano Kolbe.

O alicerce deste trabalho é a consagração a Imaculada. Após participar dos encontros de formação, os consagrados são convidados a participar das equipes de voluntários, conforme sua disponibilidade e afinidade com as tarefas.

Atualmente, a obra conta com as equipes de plantonistas e acolhedores, que atendem as centenas de ligações recebidas todos os dias e acolhem os peregrinos de nosso Santuário; de divulgadores, que visitam as famílias para rezar o Rosário, acolhem os visitantes do Santuário da Imaculada Conceição e São Maximiliano Kolbe e auxiliam em eventos, encontros e divulgações em paróquias; e de Representantes, que se empenham em conquistar novos mílites.

Contudo, o espírito voluntário na Milícia da Imaculada é muito mais abrangente e não impõe limites. Em Campo Grande – MS, por exemplo, grande parte da equipe TV Imaculada é composta por voluntários. Marlene Aparecida Carrenho testemunha: "Como voluntária, sinto cada vez mais vontade de seguir os passos de São Maximiliano, evangelizando com Maria”. Ela afirma se sentir uma pessoa plenamente feliz e com muita responsabilidade, pois não é a sua própria palavra que deve anunciar, mas sim a de Deus que fala através desta obra guiada pela Mãe Santíssima.

Também de Campo Grande, Nilton Santana de Oliveira e Célia Maria Costa de Oliveira se manifestam: “É uma benção fazer esse trabalho com humildade e amor. Estamos felizes em conhecer e participar dessa maravilhosa obra que Deus colocou em nossa vida!”. Para eles, pelo ato heróico de Padre Kolbe em oferecer sua vida em favor de um pai de família foi a repetição do gesto de Jesus Cristo que morreu por todos nós. Por isso, o casal não mede esforços para seguir este exemplo, contribuindo com a evangelização de outras famílias.

Um mesmo amor apresentado nas mais diversas formas

Membro da equipe de Representantes há anos, Edleuza Clarindo Viana, mora em Maceió – AL e conheceu a obra por meio da Rádio Imaculada 92,3 FM. Ela afirma que este foi um chamado de Nossa Senhora, aceito com muita alegria: “Assumi o compromisso de colaborar, divulgar, e interagir com a Milícia da Imaculada, no intuito de servir a Cristo na pessoa do outro, conforme São Maximiliano nos ensinou”. Edleuza já conquistou vários novos mílites através de seu testemunho e das divulgações que realiza e, animada, garante que ainda fará muito mais pela evangelização.

Conquistar mais pessoas para participarem da obra é uma tarefa que exige persistência e coragem. Por isso, estas são características unânimes entre os Representantes.

Vivenciando a mesma alegria de servir, mas numa outra forma, o casal Marília e Mário Leite participou das equipes de divulgadores e plantonistas por 14 anos. Quando perguntados sobre a motivação para perseverar ao longo destes anos, eles respondem prontamente: “O exemplo de amor e confiança total em Nossa Senhora que São Maximiliano tinha é o que faz crescer em nós o desejo de conquistar o mundo inteiro a Cristo pela Imaculada!”.

Com uma palavra amiga que conforta nas dores, dá ânimo nas fraquezas e esclarece as dúvidas, o desafio da equipe de plantonistas é transmitir, através do telefone, a constante presença de Jesus e de Nossa Senhora na vida das pessoas que entram em contato com a Milícia da Imaculada. Este atendimento telefônico é realizado durante as 24 horas do dia. Sendo assim, a equipe se reveza durante a madrugada, o dia e a noite para que sempre haja alguém pronto a atender quem mais precisa. Mais uma vez, o ensinamento de São Maximiliano se concretiza: “Que todos aqueles que venham a ter contato contigo consigam, de tal contato, a serenidade e a alegria do espírito da Imaculada”.

São Maximiliano: exemplo para jovens voluntários

A juventude também assume o voluntariado! Quem prova isto é a jovem Caroline de Paula, do grupo ‘Jovens da Milícia’ cuja proposta é assumir a da obra a partir da consagração a Imaculada.

Caroline garante que a Milícia da Imaculada deu um novo sentido à sua vida. Através do trabalho voluntário nos retiros e no plantão telefônico, ela fez a experiência do “pouco que se transforma em muito”. A jovem conta que, inicialmente, pensava ser pequena a sua importância na obra, mas que com o passar do tempo descobriu que a oferta generosa de sua juventude poderia contribuir com a evangelização de muitos outros jovens. “Meus amigos, familiares e até mesmo as pessoas que trabalham comigo perceberam a diferença, para melhor, em mim a partir do momento em que me consagrei a Nossa Senhora, como o fez São Maximiliano”, disse.

Ao acompanhar os testemunhos e, principalmente, ao sentir a alegria em servir dos voluntários da Milícia da Imaculada fica comprovado que não é por acaso que agosto, além de ser dedicado a São Maximiliano Kolbe, é também o mês do voluntário... A semelhança é nítida: ambos norteiam suas vidas pelo amor a Nossa Senhora!

Nathalia Silva Pinto

Projeto Família Consagrada


Para o voluntário da Milícia da Imaculada...

O trabalho: uma missão a ser cumprida

O meio: a oferta generosa de seu tempo e seus esforços

A condição essencial: a total consagração a Imaculada

O exemplo: São Maximiliano Kolbe

A recompensa: a alegria de servir

O mérito: somente de Deus, através da Imaculada


SEJA UM VOLUNTÁRIO DA MILÍCIA DA IMACULADA!

FALE CONOSCO E SAIBA COMO:


Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Nathalia Silva, em Criatividade para evangelizar

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.