A Santa Missa

O Espírito Santo mostra e corrige o pecado

Escrito por Frei Diogo Luís Fuitem

24 MAI 2022 - 10H31

O Frei Diogo Luís Fuitem (OFMConv) presidiu hoje a Santa Missa, no Oratório Imaculada Conceição e São Maximiliano Maria Kolbe, em São Bernardo do Campo, São Paulo, e comentou a Primeira Leitura (At 16,22-34) e o Evangelho de hoje (Jo 16,5-11).

Em sua reflexão do Evangelho, Frei Diogo destaca que Jesus prometeu que diante das situações de desamparo e de perseguição, os discípulos vão ter a força de Deus e a presença do Espírito Santo, para ajudar em sua missão. Nós sabemos que o derramamento do Espírito Santo se deu no Pentecostes. Porém, Jesus já estava prometendo que o defensor estará no meio deles.

Hoje vemos a ação do Espírito Santo, que ilumina, fortalece e esclarece tudo. Ao mesmo tempo mostra e corrige aquilo que é a falha humana. O Espírito Santo mostra o pecado, a injustiça e o julgamento. Jesus vai ser condenado a morte, mesmo sendo inocente, o justo morrerá na Cruz.

Ao mesmo tempo o mundo que está envolvido no pecado, não percebe a obra de Deus pela humanidade, não reconhecendo o seu Salvador. O grande pecado é a oposição aos planos do Senhor, que quer restaurar a humanidade, mas essa o rejeita.

Aqueles que julgaram Jesus, foram depois julgados. A obra de Deus foi completa a favor dos homens. O Espírito Santo nos ajuda a perceber os erros que existem e a necessidade de corrigir. Mesmo na nossa vida, quantas coisas devem ser corrigidas. O Espírito Santo nos defende, ajuda, esclarece e ilumina, mas também nos questiona e desmascara as nossas deficiências.

Na primeira leitura dos Atos dos Apóstolos, Paulo e Silas chegando na Europa, se hospedam na casa de Lídia, a primeira cristã, porém houve uma revolta contra eles, então foram presos.

Mas naquela noite da prisão, eis que acontece um terremoto e todas as portas se abrem. O próprio carcereiro percebe o milagre e o poder de Deus e pergunta a Silas e Paulo o que deve ser feito para crer em Cristo. Ele então é batizado com toda a sua família.

Então, em meio a grande dificuldade acontece a conversão do carcereiro e sua família que se realizou por meio de Paulo e Silas. E puderam testemunhar o amor de Deus. Hoje peçamos que, por intercessão da Virgem Maria, sob o título de Nossa Senhora Auxiliadora, nós sejamos testemunhas de Jesus Cristo como nosso Salvador.

Transcrição Marta Romero

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Frei Diogo Luís Fuitem , em A Santa Missa

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.