Igreja

Dom Walmor envia mensagem pelo mês vocacional

O arcebispo de Belo Horizonte enfatiza a importância de todas as vocações que “expressam a beleza de sempre poder servir”

Escrito por Vladimir Ribeiro

05 AGO 2022 - 10H48

Agosto, mês das vocações, é singular oportunidade para contemplarmos uma verdade bonita: a nossa igreja é toda ministerial, o que significa que todos nós, povo de Deus, somos servidores. Servir é a nossa vocação comum, inspirada nas lições de Cristo, aquele que é rei, filho de Deus, mas se fez servo de toda a humanidade.

A mensagem acima foi gravada pelo presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil, dom Walmor Oliveira de Azevedo, por ocasião do mês vocacional, celebrado em agosto. O arcebispo de Belo Horizonte gravou um vídeo no qual enfatiza a importância de todas as vocações que “expressam a beleza de sempre poder servir”.

No vídeo, dom Walmor salienta que o Papa Francisco, na riqueza de seu ministério, convoca a Igreja a valorizar cada vocação. “Todos protagonistas na tarefa missionária de partilhar os valores cristãos, o evangelho da vida. Por isso mesmo a pedido de nosso amado Papa vivemos o processo do Sínodo dos Bispos 2023 por uma Igreja Sinodal – Comunhão, Participação e Missão”.

“Trata-se de convite para amadurecermos sempre mais na compreensão de que na Igreja todos são protagonistas, evangelizadores, leigos, religiosos e religiosas, consagrados e consagradas, diáconos, catequistas, agentes de pastoral, uma igreja de muitas vocações que expressam a beleza de sempre poder servir.

Esse mês de agosto, segundo dom Walmor, pede-nos ainda mais dedicação ao caminho sinodal indicado pelo Papa Francisco. “Convoca-nos ainda a rezar por todos os servidores da Igreja, uma família de muitas famílias, todos ministros que seguem o exemplo de Cristo Rei, o mestre, que lava os pés de seus discípulos”, disse.

“Agradeço a Deus pelas muitas vocações na vida e na missão da Igreja. Jesus abençoe a sua vida com a materna intercessão de Maria Santíssima. Receba o meu abraço de gratidão e amizade”, finaliza dom Walmor.

O Mês Vocacional

O Mês Vocacional, celebrado em agosto, quer ajudar toda a Igreja do Brasil a testemunhar o centro da fé cristã. “Jesus está ressuscitado, venceu a morte e ele nos chama para ser sua testemunha no meio deste mundo”.

“Que este Mês Vocacional possa aquecer o coração de cada pessoa, de cada cristão para esse despertar vocacional de toda a Igreja. A Igreja vive a vocação sempre como graça e missão porque Jesus está vivo e nós somos testemunhas”, afirma a Comissão para os Ministérios Ordenados e a Vida Consagrada da CNBB.

Em 2022, o tema escolhido pela Comissão para os Ministérios Ordenados e a Vida Consagrada da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) para celebrar o Mês Vocacional é “Cristo Vive! Somos suas testemunhas” e o lema é “Eu vi o Senhor!” (Jo 20,18).


Fonte: CNBB

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Vladimir Ribeiro, em Igreja

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.