Por Vladimir Ribeiro Em Igreja

Relicário contendo sangue de São João Paulo II é roubado

Divulgação
Divulgação
Em, vídeo arcebispo Renato Boccardo, pede pela devolução da relíquia


Um relicário contendo uma ampola com sangue do Papa São João Paulo II foi roubado da Catedral Basílica de Spoleto, na Itália Central. A relíquia foi presenteada à Arquidiocese de Spoleto, em 2016 por Dom Stanislaw Dziwisz, que foi secretário particular do Papa João Paulo II.

O Arcebispo Renato Boccardo, em vídeo, mandou um recado ao autor do roubo. “Devolva a relíquia à catedral. O que estou pedindo é um gesto de responsabilidade e seriedade”, disse.

Dom Renato afirmou que o ato cometido é “sério” e “grave”, pois fere os sentimentos de muitos peregrinos que vão a Catedral para venerar a relíquia.

O arcebispo exortou aos numerosos devotos de São João Paulo II a ter confiança, na intercessão do santo papa.

Outra profanação ocorreu, também, nessa semana na Sicília, quando a igreja de Sant ’Agata, em Caltanisetta, teve imagens quebradas e o tabernáculo aberto e hóstias consagradas, profanadas, jogadas no chão.

Fonte: Gaudium Press

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Vladimir Ribeiro, em Igreja

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.