Por Espiritualidade Em Formação

Experiências de Sofrimento no Antigo Testamento

O mistério do sofrimento no mundo encontra ecos profundos no Antigo Testamento em que situações e acontecimentos retratam a dor pela qual passou o Povo de Deus

Pixabay
Pixabay


Por Daniele Roque, teóloga

A posse para o Israelita significava vida, e sua perda era sofrimento e ameaça de morte. A propriedade faz parte do homem como a roupa, por isso o homem sem posses era considerado nu. Alguns acontecimentos como a tomada da terra de Canaã, a introdução do reinado, onde a ordem social de Israel esteve exposta a pesados agravos, a recolonização do Norte do estado após sua incorporação pela Assíria (722 a.C.) e as desapropriações e redistribuição da terra no antigo estado de Judá pelos babilônios (após 587 a.C.) , abalaram as estruturas sociais alterando a fé e o pensamento de Israel, causando certa desconfiança em relação aos bens terrenos. Também a pobreza começou a ser vista em outra luz, se relacionando com virtudes como honestidade e sabedoria, se estabelecendo assim uma inter-relação entre os agricultores empobrecidos da época do reinado e da comunidade do exílio que invocava Iahweh como Senhor dos pobres, dos injustiçados, dos miseráveis.

O livro das Lamentações mostra o sofrimento na época do exílio da Babilônia onde a falta de alimento, a perda de propriedade e a exploração reflete em um lamento perante Deus.

A morte de parentes e pessoas próximas é sem dúvida um grande momento de dor e dúvida, também Israel, a exemplo dos demais povos do Oriente próximo, entregava-se com especial intensidade à dor pela morte. Um exemplo que podemos citar é o lamento de Davi sobre a morte de seu amigo Jônatas.

Outro sofrimento marcado no Antigo Testamento é a perda da honra, onde o homem é quase levado à beira do abismo pela perda de um bem “ideal”. O sentimento de honra do Israel Antigo é a importância e a dignidade que, de acordo com sua posição, fazem do homem um membro integral da sociedade. É aquela dignidade e prestígio sem os quais a vida social é impossível. Destruição da dignidade e prestígio lançava o homem em uma crise profunda. Podemos tomar, por exemplo, a história de Tamar.

O sofrimento físico é considerado uma das maiores provações para o narrador vetero-testamentário. A descrição do livro de Jó, por exemplo, mostra o quanto os israelitas temiam doenças graves, pois toda doença era prenúncio de morte, entre elas a lepra, tumores, tuberculose e várias febres. As doenças eram consideradas como castigo de Deus. De acordo com Provérbios onde “a vontade de viver sustém o doente, mas ninguém pode suportar um espírito abatido”, mostra que o israelita tinha uma visão ampla do bem estar do homem, e essa era a essência das bênçãos de Iahweh.

Outra fonte de sofrimento é o triste e às vezes desumano estado das relações intra-humanas, não importando se resulta em prejuízos pessoais ou não. A experiência mostra que onde existe convívio humano existem forças e conflitos hostis e traumatizantes. O Antigo Testamento não trata esse problema de modo teórico ou sistemático, porém os vários escritores deixam entrever. Seja pela disposição intelectual e moral do homem, bem como com sua dotação de poder, se tornando partícipe da criação e essa participação se torna possível através do reconhecimento da realidade.

O que dizer então dos vários conflitos que o povo de Israel sofreu ao longo de sua história? Desde a chegada à terra de Cannã, foi “vítima” das incursões das tribos de moradores daquelas regiões.

Os anúncios de desgraça por parte dos profetas servem como referência, de expressões guerreiras.As lamentações de Jeremias como também outras orações de lamento e expiação do povo, são testemunhos comoventes de sofrimento advindo de guerras, por isso queremos em breves linhas mostrar o sofrimento daqueles que tiveram essa missão de ser porta-voz de Deus.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Espiritualidade, em Formação

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.