Por Núria Coelho Em A Santa Missa

Deus só não é capaz de deixar de nos amar

Deus é capaz de trocar Reinos por nós, abrir o mar e, se preciso fosse, Ele entregaria novamente a Sua vida

PixaBay
PixaBay


O Missionário Louis Marie (MIPK) presidiu hoje a Celebração, no Santuário Imaculada Conceição e São Maximiliano Maria Kolbe, em São Bernardo do Campo, São Paulo, e comentou a Primeira Leitura (Jn4,1-11) e o Evangelho de hoje (Lc11,1-4).

Em sua homilia, ele destaca que “Deus é capaz de trocar Reinos por nós, abrir o mar e, se preciso fosse, Ele entregaria novamente a Sua vida para a nossa salvação, mas Deus só não é capaz de deixar de nos amar.” Se tem uma coisa que Deus não pode fazer é deixar de nos amar; se Ele deixar de nos amar; Ele deixa de ser Deus; e Ele não podendo deixar de ser Deus, então ele nunca vai deixar de nos amar.

É lógico que existe ajustiça de Deus, que caminha junto com o Seu amor, porém a justiça de Deus não é vingadora, ela se pauta na misericórdia. Permite que nós possamos voltar atrás, rever e nos arrepender dos nossos pecados.

Na primeira leitura, Jonas, que foi escolhido para a missão de fazer que o povo de Nínive se arrependesse dos pecados, ficou contrariado pois Deus perdoou-lhes os pecados. No coração de Jonas, Deus tinha que destruir a cidade.

Deus faz Jonas entender que a lógica Dele é diferente, Deus pode tudo e a Sua misericórdia é grande. Ele se importa com cada um de nós, pois Ele nos criou e nos dá a oportunidade de nos arrependermos dos nossos pecados. As coisas não são do nosso jeito, temos que nos pautar na lógica de Deus.

No Evangelho, Jesus nos ensina a rezar, isso faz com que nos alinhemos à lógica de Deus, reconhecendo que somos filhos e que Ele é o nosso Pai. Nessa oração nós temos que assumir esse compromisso de sermos misericordiosos como o nosso Pai é conosco.

O salmo nos diz que Deus é amor, é paciente e misericordioso. Se Ele nos perdoa, nós também devemos perdoar a todos, mesmo aqueles que nos não amamos e aqueles que nos querem mal e nos prejudicam.

Vamos continuar a nossa caminhada, pois os nossos erros não nos definem. O nosso erro não diz quem somos. Dentro de nós tem a misericórdia de Deus, tem a bondade e a clemência de Deus. Amém.

Transcrição Marta Romero

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Núria Coelho, em A Santa Missa

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.