A Santa Missa

Discernir para ajudar

Na Santa Missa desta segunda-feira (20), Frei Sebastião meditou sobre a diferença entre discernir e julgar o que sobre o melhor caminho a seguir

Escrito por Frei Sebastião Benito Quaglio

20 JUN 2022 - 11H43 (Atualizada em 20 JUN 2022 - 12H20)

Brasil 61

O Frei Sebastião Benito Quaglio (OFMConv.) presidiu hoje a Santa Missa, no Oratório Imaculada Conceição e São Maximiliano Maria Kolbe, em São Bernardo do Campo, São Paulo, e comentou a Primeira Leitura (2Rs 17,5-8.13-15a.18) e o Evangelho de hoje (Mt 7,1-5).

Frei Sebastião destaca que apesar de já conhecermos esse Evangelho, há reflexões para serem feitas. Primeiro, o sentido da palavra julgar significa separar. Seria bom não confundir julgamento com discernimento.

O julgamento nos coloca acima do outro, nos faz esquecer quem nós somos e estamos mais preocupados com os defeitos dos outros, do que com os nossos. Já discernimento é enxergar realmente o que é certo e o que é errado, para começar a caminhar certo e ajudar os outros, que não estão fazendo esse caminho.

Um pai e uma mãe, sempre se preocupam com seus filhos, para que não peguem o caminho errado. Eles fazem o discernimento para mostrar o melhor caminho. Ir com os filhos à missa ou dizer que é necessário rezar.

Não podemos fechar os olhos perante as coisas erradas deste mundo. Temos que nos colocar, em primeiro lugar, em um pedestal de amor, justiça e equilíbrio. Olhar com os olhos de Jesus e com o coração Dele não para separar, mas para discernir o melhor para todos.

Portanto, Cristo nos fala sobre o julgamento que separa e, por medo de ser igual, nos faz ficar escondidos atrás dos defeitos dos outros. O amor vai discernir o que é certo e então podemos andar juntos.

Não podemos fechar os olhos ao erro de alguém que está ao nosso lado. Temos que estar atentos e ter postura de querer caminhar junto e ajudar o nosso irmão. A fofoca destrói as pessoas, o mau julgamento provoca muito sofrimento. Então, vamos sempre lembrar isso: discernir para ajudar. 

Transcrição Marta Romero

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Frei Sebastião Benito Quaglio , em A Santa Missa

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.