A Santa Missa

Jesus, cura e aquece nosso coração

Na Santa Missa desta sexta-feira (01), Padre George medita sobre a cura que a Palavra de Deus nos dá

Escrito por Espiritualidade

01 JUL 2022 - 10H34

O Padre George Rodrigues presidiu hoje a Santa Missa, no Oratório Imaculada Conceição e São Maximiliano Maria Kolbe, em São Bernardo do Campo, São Paulo, e comentou a Primeira Leitura (Am 9,11-15) e o Evangelho de hoje (Mt 9,9-13).

Padre George destaca que na primeira leitura nos traz um relato do poder e o valor da Palavra. Na esfera humana, sabemos que isso tem mais capacidade de ferir do que uma atitude. Dependendo das nossas palavras, podemos edificar, motivar, animar, mas também podem desanimar e até destruir.

Deus falou na primeira leitura, que viriam dias difíceis e que sentiríamos fome, não de alimento, mas da Palavra, de Seus conselhos, orientações e do Seu amor revelado.

Nós vivemos algo parecido com isso desde começou a pandemia. Ficamos sozinhos nas igrejas, então os padres foram obrigados a aprender lidar com as mídias sociais, para poder partilhar a Palavra de Deus.

A Milicia da Imaculada já estava na vanguarda com as transmissões, mas para muitas igrejas foi difícil. Usando o Evangelho, Jesus chamou Mateus: “Segue-me”.

Podemos imaginar como esse convite foi carregado de convencimento, de ternura no olhar. Interessante que Jesus chamou o apostolo para segui-lo, mas parecia que Ele era quem seguia Mateus, pois foi o Filho de Deus que entrou na casa de Mateus e não ao contrário.

Então, Ele sabia que Mateus precisava ser conquistado, pois havia muitas áreas escuras na sua vida. Nada melhor do que a mesa e partilhar uma refeição para se tornar íntimo em um lugar, para poder abrir os corações.

Temos essa intimidade com Jesus, no altar, na mesa da comunhão, Ele se torna alimento para o nosso corpo e para o nosso espírito. O Filho de Deus se coloca dentro da casa de Mateus, junto com os pecadores.

Jesus é julgado por esse gesto, os fariseus diziam que Ele comia e bebia junto com os pecadores e Ele rebatia dizendo que “aqueles que tem saúde não precisam de médico, mas sim os doentes”. Jesus vai curando e vai tratando a cada Eucaristia, a cada Palavra pregada, a cada carinho e amor doados por meio da Palavra.

Vamos deixar que o nosso coração seja curado e aquecido por essa Palavra, mas não devemos guardar essa riqueza somente para nós. Vamos então partilhar. Essa é a função do mílite que nos ajuda a levar essa Palavra em frente, ajudando a manter o satélite, a rádio, a televisão, que são meios caros, mas muito valiosos na evangelização.

Se você ainda não é mílite, entre no site da Milícia da Imaculada e saiba como você pode ajudar essa obra. Mas não demore a ter essa atitude, pois o diabo tira a nossa vontade em um instante.

Hoje mesmo faça o seu cadastro e ajude a Milícia da Imaculada a evangelizar, para que a palavra chegue a tantos corações. Você vai sentir-se abraçado por cada consagrado da Milícia da Imaculada! Amém.

Transcrição Marta Romero

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Espiritualidade, em A Santa Missa

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.